Biblioteca Infantil leva teatro de fantoches para Museu da Gente Sergipana

secultCom o objetivo de expandir suas ações, a equipe da Biblioteca Infantil Aglaé Fontes de Alencar (Biafa), levou diversos personagens e enredos através do teatro de fantoches para o Museu da Gente Sergipana Governador Marcelo Déda. Convidadas para compor a programação do projeto “Tempo de Criança”, as contadoras de histórias da Biafa prenderam a atenção dos pequenos que estavam presentes no local. As atividades ocorreram na última sexta-feira,16. Na próxima sexta-feira,23, voltam a ocorrer no Museu.

Realizado pelo Instituto Banese, com a promoção do Museu da Gente Sergipana, o projeto “Tempo de Criança” tem como objetivo homenagear as crianças através de atividades lúdicas e criativas que as aproximem das expressões artísticas de Sergipe. Segundo a Coordenadora de Comunicação do Instituto Banese/Museu da Gente, Tarcila Holanda, o projeto busca atrair as crianças durante todo o mês de outubro para participar das diversas atividades que vão desde espetáculos teatrais e oficinas até a contação de histórias. “A contação de histórias é uma atividade que faz a criança soltar a imaginação, a criatividade, por isso ela não poderia estar de fora dessa nossa programação”.

Segundo a diretora da Biblioteca Infantil, Cláudia Stocker, a Biafa recebeu o convite da equipe do Museu da Gente para compor a programação do projeto “Tempo de Criança”, através do teatro de fantoches. “Nós recebemos o convite e viemos apresentar hoje um pouco do trabalho que é desenvolvido na Biafa, e estaremos presentes aqui novamente na próxima sexta-feira, 23”, explicou.

Lucila Magre, aproveitou a visita da equipe da Biafa para levar sua filha Livia, de 5 anos,  para ouvir a contação de histórias. Segundo ela, “essa foi uma ótima oportunidade para as crianças conhecerem novas histórias e ter contato com outras crianças”, relatou.

Fonte: Ascom Secult

Publicado em Notícias