Inscrições até 31 de agosto para IV edição dos Ibero-Americanos

Inscrições até 31 de agosto para IV edição dos Ibero-Americanos


 


O Escritório Regional do Unicef para a América Latina e o Caribe, o Comitê Espanhol do Unicef e a Agência de Notícias EFE convocam para a IV Edição dos Prêmios Ibero-americanos de Comunicação pelos Direitos da Infância e da Adolescência.


 


Os prêmios, com uma edição bienal, dividem-se em cinco categorias: imprensa, rádio, televisão, trabalho gráfico, televisão dirigida a um público infantil e/ou adolescente, além do prêmio de comunicação sobre HIV/Aids. Os trabalhos apresentados devem abordar temas relacionados à situação da infância e da adolescência ou a defesa e promoção de seus direitos, no âmbito geográfico ibero-americano.


 


Desde a primeira edição dos Prêmios, em 1998, as três entidades organizadoras identificaram jornalistas e comunicadores como agentes ativos na promoção dos direitos de meninos e meninas e decidiram reconhecer e incentivar esse tipo de trabalho entre todos os profissionais de comunicação na Ibero-américa. Os Prêmios Ibero-americanos buscam promover a investigação jornalística em favor da infância e incentivar os meios de comunicação a dedicar mais atenção aos temas relacionados à infância na América Latina, nos Estados Unidos, na Espanha e em Portugal.


 


Qualquer Escritório do Unicef ou da Agência EFE na região receberá as inscrições de trabalhos no período de 1º de março de 2005 a 31 de agosto de 2005. Todos os trabalhos participantes do prêmio devem ter sido divulgados, transmitidos ou publicados no período de 1º de setembro de 2003 a 31 de agosto de 2005. A entrega dos Prêmios Ibero-americanos pelos Direitos da Infância e da Adolescência será na Cidade do Panamá, no dia 20 de novembro de 2005, quando se comemora o XVI Aniversário da Convenção sobre os Direitos da Criança.


 


O que: Prêmios Ibero-americanos de Comunicação pelos Direitos da Infância e da Adolescência


Quando: Inscrições até próximo dia 31 de agosto


Onde: Qualquer Escritório do Unicef ou da Agência EFE na região


Informações: www.unicef.org.br


 

Publicado em Notícias