Presidiários sergipanos realizam feira de artesanato

Presidiários sergipanos realizam feira de artesanato

 Os homens do presídio de Areia Branca têm motivos para comemorar este Natal. A venda dos produtos da feira de artesanato, produzido por eles próprios, têm rendido um dinheiro extra no final do ano para as comemorações das suas famílias. Localizada na Praça General Valadão, no Centro de Aracaju, a Feira disponibiliza produtos como mesas, cadeiras, objetos de decoração e outros itens.

O projeto, uma iniciativa da Pastoral Carcerária, já existe há aproximadamente 14 anos. O grupo, composto atualmente por 12 homens, vende artesanatos desde banquinhos de R$ 8, até um conjunto de mesa de jantar e oito cadeiras por R$ 750.

Segundo uma integrante do projeto, a autônoma Adeilma Santos, o dinheiro da venda dos produtos serve para pagar despesas, como a compra da madeira e do material de trabalho. "Com o que sobra, a gente manda para a família", diz Adeilma.

Funcionamento da feira

Até o dia 2 de janeiro, os produtos confeccionados pelos presidiários estarão à venda na Praça General Valadão, no Centro da cidade, das 7 da manhã até as 7 da noite. Além disso, o projeto aceita encomendas, através do telefone (0xx79) 9958-4451, com Adeilma. O evento conta com o apoio da Secretaria de Estado da Justiça (Sejuc) e Departamento do Sistema Prisional (Desipe). Para cada três dias trabalhados, o preso contabiliza um dia menos em sua pena.

Publicado em Notícias