Eleições: o futuro em nossas mãos

Eleições: o futuro em nossas mãos

Temos o hábito de falar que sobre futebol e religião não se discute. Algumas pessoas incluem aí uma terceira coisa: a política. Tida como uma "coisa" distante e muitas vezes "suja", muita gente prefere "manter distância". Mas, felizmente, isso vem mudando, aos poucos é verdade, mas vem.

Um dos fatores que têm contribuído para isso é a realização de campanhas sobre a importância do voto, a exemplo da "Operação Eleições Limpas", da Associação dos Magistrados Brasileiros, que é realizada nacionalmente.

O tema também está sendo trabalhado com alunos do Instituto Luciano Barreto Junior, em Aracaju. O voto consciente é o principal foco dessas ações e a maior arma para votar com consciência é se munir do máximo possível de informação, para poder fazer a melhor escolha. Buscar conhecer a trajetória do candidato e suas propostas.

Nessa tarefa, a internet é uma das grandes aliadas. Um dos sites mais completos nesse sentido é o www.transparencia.org.br, do Transparência Brasil, no qual muitas informações estão disponíveis. O site do Tribunal Superior Eleitoral também é uma boa fonte (www.tse.gov.br), além dos sites dos órgãos nos quais os candidatos já passaram.

A tarefa não é das mais simples, mas o futuro está nas nossas mãos e se furtar ao direito de votar, com consciência, é abrir mão de construir esse futuro. Infelizmente, ainda é uma minoria que tem acesso a essas fontes mais especializadas, enquanto a maioria fica excluída não só nesse, mas em muitos outros aspectos.

Mas pelo menos estamos no caminho certo, com diversos setores da sociedade somando esforços para a conscientização sobre a importância do voto. Essa é a única forma de vermos, um dia, o fim dos votos de "cabresto", dos "currais eleitorais" e do clientelismo.

Por Dinah Menezes
Da Redação (Aracaju/SE)

 

Publicado em Notícias